Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2016

RTP1 EXIBE DOCUMENTÁRIO 'HUMAN',UM RELATO DE 2000 PESSOAS DE 60 PAÍSES,SOBRE AMOR,MORTE E FELICIDADE

Imagem
RTP1 exibe documentário ‘Human’, um relato de 2000 pessoas de 60 países, sobre amor, morte e felicidade

14 NOVEMBRO, 2016 O documentário explora todos os lados da humanidade  percorrendo o mundo inteiro  para entender a nossa verdadeira essência. O fotógrafo, realizador e ecologista  francês Yann Arthus-Bertrand retrata-nos neste  filme o relato de 2000 pessoas de 60 países, sobre o amor,  a morte e a felicidade. ‘Human’ foi o primeiro filme a ter estreia mundial na  Assembleia Geral das Nações Unidas,  a propósito do 70.º aniversário da  organização e, no ano passado,  fez parte da seleção oficial da Bienal de Veneza,  tendo desde então percorrido  o mundo para, com o seu conteúdo, tentar responder  à questão ‘O que nos torna humanos?’. Uma experiência sensível sobre a comunidade global  mas também sobre o indivíduo.  Por guerras, desigualdades, discriminações,  mas também amor, família, ‘Human‘  confronta-nos com a realidade e a diversidade  da nossa condição humana.  Depoimentos mostram a empatia e a  sol…

PURIFICANDO O CORAÇÃO - DEEPAK CHOPRA

Imagem
PURIFICANDO O CORAÇÃO

Deepak Chopra 


Existe um centro no corpo onde o amor e o espírito se unem, e esse centro é o coração. É seu coração que dói ou cresce com o amor, que sente compaixão e confiança, que parece vazio ou cheio.

Dentro do coração existe um centro mais sutil que experimenta o espírito, mas o espírito não é sentido como uma emoção ou sensação física. Como então você pode entrar em contato com ele? De acordo com os mestres espirituais, o espírito é experimentado primeiro como a ausência daquilo que não é espírito.

Na Índia, isso é descrito como Netti, netti, que significa "não é isso, nem aquilo".

O espírito não é causado, não é limitado pelo tempo e espaço, não é uma sensação que pode ser vista, tocada, escutada, provada ou farejada. Isso pode parecer uma maneira surpreendente de definir alguma coisa, mas imagine que você nunca tenha visto a cor branca, que todo o mundo consistisse em vermelho, verde, azul e todas as outras cores.

Então, certo dia, um mestre vem até …

VIAJAR DEIXA AS PESSOAS MAIS FELIZES DO QUE BENS MATERIAIS!

Imagem
VIAJAR DEIXA AS PESSOAS MAIS FELIZES DO QUE BENS MATERIAIS!
A única resolução que fiz para esse ano foi não comprar roupas e supérfluos. Ou seja, não comprar nada que realmente não precise. O motivo é guardar dinheiro para viajar. Como não sou rica, não dá pra ter tudo – viajar e comprar qualquer coisa. Mas não vou negar que já enjoei daquele colar comprado no ano passado, que seria ótimo comprar um sofá novo e andar de ônibus em São Paulo cansa mesmo. No entanto, quando me volto para o real objetivo dessa pão durice toda, vejo que faz sentido. Viajar me deixa mais feliz do que roupas novas e carro. E acredito que isso aconteça com você também. O site Salon.com até relatou uma pesquisa do psicólogo Thomas Gilovich sobre o assunto. A pesquisa mostra que viajar traz mais felicidade do que bens materiais pelas experiências individuais que temos quando viajamos. Ou seja, fazer coisas invés de comprar coisas nos deixa mais felizes. Veja se você concorda: 1. É MAIS DIFÍCIL COMPARAR VIAGENS DO QUE…

O DINHEIRO PODE COMPRAR A FELICIDADE ? SÓ ATÉ CERTO PONTO

Imagem
O dinheiro pode comprar a felicidade? Só até certo ponto
Novas pesquisas mostram que experiências nos deixam mais felizes do que bens materiais
Por
ANDREW BLACKMAN Segunda-Feira, 17 de Novembro de 2014 00:03 EDT A pergunta é antiga: o dinheiro pode comprar a felicidade? Ao longo dos últimos anos, novas pesquisas têm nos dado uma compreensão mais profunda da relação entre o que ganhamos e como nos sentimos. Os economistas têm examinado as relações entre renda e felicidade nos países, e os psicólogos têm sondado as pessoas para descobrir o que realmente nos move quando se trata de dinheiro. Os resultados, à primeira vista, podem parecer um pouco óbvios: Sim, as pessoas com renda mais alta são, em geral, mais felizes do que aquelas que lutam para sobreviver. Mas analisando um pouco mais profundamente os resultados, eles se tornam bem mais surpreendentes — e muito mais úteis. Em suma, esta última pesquisa sugere que a riqueza por si só não fornece qualquer garantia de uma boa vida. O que importa …